É pra dar um 'balão' no MEC?

18:37 Bruno Cardial 0 Comments


Depois de já terem realizado algumas paralisações e reivindicações neste ano, os profissionais da rede estadual de ensino, se reuniram com alunos, representantes da APP-Sindicato e da Universidade Estadual de Londrina (UEL) na manhã de hoje, no Calçadão de Londrina, para protestar contra a redução na carga horária letiva. 

O fato é que a Secretaria de Estado da Educação pretende criar para vigorar já a partir do ano que vem duas disciplinas de tópicos como reforço embutidas, uma sub a matéria de português e outra em matemática. Mas para que essas disciplinas aumentem, as matérias de filosofia, sociologia e artes tem que ter a carga horária reduzida. 

A APP-Sindicato informou que os professores não são contrários ao aumento de aulas de português e matemática, mas a categoria diz que as escolas não receberam sequer uma orientação formal e as horas-aula por semana vão passar de 25 para 27. Então, os professores defendem que tenham logo 30 horas-aula, sem a redução de nenhuma disciplina.

Amanhã uma reunião em Curitiba trata não só das discussões sobre a situação previdenciária dos profissionais, mas também do PCCS da categoria (Plano de Carreira, Cargos e Salários) e das horas-atividade prevista para o ano que vem.

A Secretaria de Educação negou a criação destas disciplinas de tópicos dizendo que as matérias de produção textual e matemática básica vão ser ministradas junto com as disciplinas de português e matemática. E para ampliar a carga horária para 30 horas semanais é preciso analisar o impacto na folha de pagamento dos professores. 

O presidente da APP-Sindicato em Londrina, Antônio Marcos Gonçalves, em entrevista a imprensa local, colocou um alerta: “A mudança pode ter sido formulada para tentar aumentar as médias dos alunos nos exames aplicados pelo Governo Federal.” 

Como fica? Agora, a discussão sobre as mudanças deve ser feita até o dia 13 de dezembro, quando está programada a distribuição de aulas entre os docentes.

AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS