Não passe mal na frente de um hospital em Londrina!

08:03 Bruno Cardial 0 Comments


Mais um triste e vergonhoso episódio na saúde de Londrina foi registrado na tarde de ontem, sexta-feira. Uma mulher que sofria convulsões em frente ao Pronto Atendimento Infantil (PAI), no centro da cidade, obteve recusa de atendimento na unidade.

O marido dela, desesperado, no momento buscou ajuda no PAI, mas foi informado que ninguém poderia socorrê-la na rua, tão menos buscá-la, e foi orientado a ligar para o Samu. Este por sua vez, foi acionado por cerca de sete vezes, mas nenhuma viatura apareceu.

A situação acumulou populares curiosos e assustados, que ao ficarem cansados de esperar pela situação vexatória e perigosa, carregaram a mulher para dentro do PAI, e somente depois disto ela teve o cuidado necessário.

O marido da vítima, Luiz Claudio de Souza declarou ao Jornal de Londrina seu desespero: "Vi minha esposa quase morrendo nos meus braços sem ter socorro e eu pedindo, chorando e implorando".

AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS