Praça de Guerra em Curitiba

13:05 Bruno Cardial 0 Comments


Tentando relembrar 1988, quando uma manifestação de professores em greve contra o governo PSDBista do PR entrou para a história por causa da violência do desfecho, o Governador Beto Richa armou uma verdadeira Praça de Guerra em Curitiba para recepcionar os professores, alunos e servidores do Paraná. 

Atentas, todas as mídias do estado cobrem e anunciam o passo a passo das atividades já que é grande a possibilidade de haver um conflito.

ESMAEL MORAIS

Pela primeira vez na história, os educadores em greve não poderão acampar na Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico, em Curitiba. A proibição partiu do governador Beto Richa (PSDB), que transformou o local numa praça de guerra ocupada por policiais militares.

PARANÁPORTAL

Policiais militares instalaram grades ao redor da Assembleia Legislativa na noite deste domingo (26) para manter professores afastados durante votação do projeto de lei que altera a estrutura do Paranaprevidência. Por determinação do governo, a Secretária de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp) foi autorizada a cercar os prédios públicos do Centro Cívico de Curitiba durante possíveis protestos de servidores marcados para esta semana.  

BLOG BAIXO CLERO


Governo desloca 12% do efetivo de policiais de Londrina para garantir “pedalada” previdênciária de Beto Richa. Esse número de policiais corresponde a 12% do efetivo da PM para a cidade. Segundo o Paraná TV, a maioria dos policiais é da Tropa de Choque. Oficialmente a PM afirmou que o envio desses policiais não enfraquece o policiamento em Londrina.

PARANÁ TV


Polícia monta um forte esquema de segurança na Assembleia (link)


A presidente do SINTEOESTEGracy Kelly Bourscheid, publicou algumas imagens do local hoje, logo após o almoço. Clique e confira 11 fotos no facebook


AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS