Mais uma companheira privilegiada.

08:36 Bruno Cardial 0 Comments



Mais uma vez a máquina administrativa Petista privilegia um companheiro no estado mais próximo da presidência. Aliás, companheiro não, companheira!


Desta vez, foi a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) quem foi convidada pela companheira presidenta Dilma Rousseff para ocupar a Casa Civil, no lugar de Antonio Palocci.

Palocci, apresentou sua demissão na última terça-feira, devido uma sequência de acusações e investigações na primeira crise política enfrentada pelo Governo Dilma.


Nisto, a nova ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, que toma posse hoje às 16:00, passa a ser a décima ministra da equipe de Dilma Rousseff, primeira Presidente do Brasil, que já havia entrado para a história do país formando o governo com maior número de representantes femininas.


Casada com o actual ministro das Telecomunicações, Paulo Bernardo, Gleisi Hoffmann é advogada e (apesar de não aparentar) tem 45 anos e é filiada ao PT desde 1989. Foi diretora financeira da Itaipu Binacional e secretária de Gestão Pública aqui de Londrina e também de Reestruturação Administrativa do Mato Grosso do Sul. Em 2002, compôs a equipe de transição do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, disputou uma vaga para o Senado em 2006, foi presidente do PT no Paraná em 2008 concorrendo neste ano para prefeita de Curitiba, mas só em 2010 conquistou a primeira vitória nas urnas.

AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS