Kinoarte trollando camelôs

22:21 Bruno Cardial 0 Comments



A gravação de um curta-metragem em frente ao camelódromo de Londrina causou tumulto na tarde de ontem.

O filme, produzido pelo Instituto de Cinema e Vídeo de Londrina-Kinoarte, conta a história de uma vendedora do shopping popular e um policial federal. 

Assim, nas filmagens da personagem em frente ao camelódromo, ela estava vestida de agente policial. Os vendedores foram avisados, pois populares acharam que se tratava de uma operação policial de verdade.

Diversas pessoas foram até o local, houve discussão entre os produtores do filme e representantes da associação do camelódromo e mesmo após a situação ter sido explicada aos ambulantes pelo diretor do curta, as filmagens foram suspensas, pois os vendedores alegaram que o filme poderia denegrir a imagem do camelódromo.

Em nota, a Kinoarte afirma que tinha autorização para fazer imagens no espaço. "Todas as medidas que cabiam à equipe de produção para que a filmagem externa se realizasse foram tomadas com semanas de antecedência. As autorizações necessárias foram concedidas pela CMTU (Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização) e pelo presidente do camelódromo, Samuel dos Santos. Quanto ao impedimento algumas pessoas se julgaram no direito de impedir uma atividade profissional em via pública", diz a nota. 

De acordo com o instituto, cerca de 30 pessoas trabalhavam na produção do filme, incluindo pessoas de outras regiões do país que vieram a Londrina especialmente para as gravações. O filme Sylvia será finalizado até o mês de setembro.


AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS