Fotos vetadas "das vadias"

08:44 Bruno Cardial 0 Comments

Esta foto foi vetada pelo Facebook no perfil do aluno de jornalismo da UEL Lucas Peresin. 

Agora liberado (até que alguém denuncie como abuso), Lucas republicou-as no Face com um texto de repúdio, confira:

Passei as últimas 24 horas mascando minha revolta contra a infeliz criatura que denunciou minhas fotos da marcha das vadias. Recebi apoio de muitos, aos quais agradeço demais, mas também recebi inúmeras críticas de gente que acha que a marcha é banal. Não é. A marcha era contra o machismo, a violência contra a mulher, o racismo, a homofobia, enfim, contra os cânceres da sociedade atual que devem sim ser combatidos. Quando postei as fotos no facebook eu sabia dos termos de uso do site. Entretanto, nas minhas fotos a nudez não tinha conotação pornográfica, pelo contrário, os seios desnudos que apareceram nas fotos - inclusive bem mais cobertos e pintados que aqueles do carnaval que são expostos livremente por aí - tinham como objetivo alertar a sociedade quanto a esses problemas que estão mais presentes e entranhados em nosso cotidiano do que imaginamos. Fiquei um dia inteiro privado de publicar o que eu pensava e tive que excluir as fotos em questão para poder continuar usando o site. A censura à qual me referi no texto que enviei à Polyanna Oliveira tinha a ver com o fato de alguém ter denunciado minhas fotos. Quem fez isso se sentiu ofendido ou contrariado com o conteúdo delas e usou das normas do site para, sim, censurar. Não é exagero usar essa palavra. Não tenho medo de usar essa palavra. Fui censurado. Tive quatro fotos excluídas e não posso postá-las mais. Mas, da mesma forma que o otário que me denunciou achou uma brecha nos termos de uso pra me fazer excluir as imagens, eu também achei uma brecha para postar e repostar e postar novamente a foto que, dentre as que eu fiz, na minha opinião, melhor representa os ideais do movimento. O facebook não pode excluir fotos da maior demonstração de afeto entre uma mulher e outra pessoa: a amamentação. As mulheres são os pilares da vida. Merecem respeito e direitos iguais. Mais uma vez, agradeço imensamente a todos que, direta ou indiretamente, me apoiaram nesse episódio lamentável que passamos. Estou com as vadias. Apoio a causa e acho que todos deveriam fazer o mesmo. Mais uma vez, apresento A amamentação.



AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS