Amigo concorrente, inimigo suplente...

13:00 Bruno Cardial 0 Comments


É certo que no meio político, nomes e as pessoas podem em um curto espaço de tempo serem amigos, depois concorrentes e logo passarem à inimigos.


O que acontece em processo de pré-campanha é de muitos amigos se reunirem para discutir política e inclusive dentro de partidos uns incentivarem outros para saírem candidatos, e fortalecerem a legenda.


A visão já modifica quando a efetiva candidatura inicia, já que aí é cada um atráz de seus votos e independente da coligação ou do apoio majoritário são claramente concorrentes.


Mas depois de eleito, os que assim estão podem ter a quase certeza que pelo menos cada um tem 2 possíveis inimigos se assim já não são, estes são seus suplentes. Porque esta conclusão? Lembramos bem que à pouco tempo atrás, dentro do PMDB houveram desprazeres envolvendo o vereador Tito Valle e seu suplente Jamil Janene. (diga-se de passagem, alguns outros problemas internos partidários já aconteceram também em algmas legendas londrinenses, sem muitos destaques na imprensa)


Agora, um suplente assume cadeira já declarando posições em respeito ao titular; É o caso de Zaqueu Berbel (PRP) que questionado sobre o voto, caso haja uma abertura de comissão processante para a investigação de Rodrigo Gouvêia (vereador afastado desde o último dia 16), seu suplente não hesitou em dizer que se abstém do voto por ser parte enteressada, mas...


"Lá estarei como vereador mas evidente que eu, Zaqueu Berbel como cidadão eu votaria a favor da cassação"

AO LER NOSSOS POSTS ATENTE-SE AS DATAS, ALGUMAS POSTAGENS SÃO REFERENTES APENAS QUANDO PUBLICADAS